quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

POR BRILHO




sua presença é luz no recinto vazio

...

sombras em meus olhos marejados
fantasmas de sonhos
quimeras...

fica...

fica e preenche aos poucos
a solidão acostumada
abrigada em meu peito
como fera
ferida e acuada

...

apenas fica...

um pouco mais...



Ianê Mello







3 comentários:

Mateus Luciano disse...

achei um pouco obscuro diferente da maioria de tuas obras ,gostei

Arnoldo Pimentel disse...

Um poema muito lindo, beijos.

Ianê Mello disse...

Grata pela presença, amigos Mateus e Arnoldo.
voltem sempre.
Beijinhos.