domingo, 28 de março de 2010

Preenchendo o vazio





Estranho esse vazio
que por vezes me acompanha
Vazio de palavras a escrever
Tento em vão e nada me vem
Escrever sobre o quê?
Quantas vezes escrevemos
por mero hábito
e esse ato nos faz falta
deixando um vazio que nos parece
que nada mais preencherá

E aqui estou eu
a escrever sobre esse vazio
e, de repente, o vazio se preenche
de letras, de palavras, de algo
Se faz sentido ou não
não importa
a necessidade é maior
Perdoem-me a falta de jeito,
a falta de assunto,
de algo que realmente valha
essas linhas que traço
Essa vontade de dizer
mesmo sem saber bem o que
me causa certo embaraço
Agora que meu desejo acalmei
deixo à vocês meu silêncio
e em mim, me calo...



Ianê Mello

14 comentários:

Felipe A. Carriço disse...

Santo silêncio

Ianê Mello disse...

Felipe,

bom contar com a sua observação.

Bj.

Solange disse...

Bom dia!!
Teu silêncio me acompanha..Uma excelente semana pra ti..
bjs.

marioluiz86 disse...

É assim mesmo, Ianê! A vontade de expressar, mas não se sabe ao certo sobre o que, apenas um manifesto sincero do prazer de escrever.

Abraços!

Mario Luiz.

Leonardo B. disse...

[ainda que não se escreva o silêncio, é nele que a nosso ar breve, a nossa luz e letra, se inscreve... afinar o ouvido, para o escutar é o mais difícil, como bem sabemos]

um imenso abraço, Ianê

Leonardo B.

Lara Amaral disse...

As palavras nos vêm só para dizer que o melhor é pensar nelas, do que dizê-las.

Beijo, moça, linda semana para vc!

Ianê Mello disse...

Solange,

obrigada pelo carinho.

Boa semana pra você também, amiga.

Grande beijo.

Ianê Mello disse...

Mario, exatamente isso.

Agradeço a presença.

Beijos.

Ianê Mello disse...

Leonardo,

palavras mais do que sábias, meu amigo.

É preciso saber ouvir o silêncio.

Bom te ver por aqui.

Abraçimenso.

Ianê Mello disse...

Larinha,

é verdade. Há momentos em que é melhor só pensar...

Beijos, amiga.

Boa semana.

Sonhadora disse...

Minha querida
O teu silêncio deu largas á inspiração, num belo poema.

Beijinhos
Sonhadora

Nilson Barcelli disse...

Ianê, já grandes poetas e escritores escreveram textos, poemas, crónicas e outros escritos sobre a falta de assunto. E, então, como neste seu bom poema, o não assunto vira assunto e passa a ser um tema com interesse.
Porque mais vale falar da falta de assunto, do que falar do tempo, por exemplo, para camuflar a falta de assunto...
Minha amiga, desejo que tenha uma Páscoa feliz.
Beijos.

Ianê Mello disse...

Querida Sonhadora,

Obrigada pelo seu carinho.

Beijo grande.

Ianê Mello disse...

Nilson,

é verdade, muito boa sua colocação.

Amigo, uma boa Páscoa para você também. Muita paz!

Beijo Grande.