segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Arma de Sedução




 

Cabelos... moldura do rosto
macios e sedosos ao tocar
Neles pouso meus dedos com gosto
e me perco nas artimanhas do amar

Vermelhos como farol
Pretos como azeviche
Loiros da cor do sol
Brancos os da velhice

Na mulher causam vaidade
- atributo de valor
Não importando a idade
cultivam-no como uma flor

E para o homem que seduz
joga os cabelos para trás
que rebrilham feito luz
cegando o velho e o rapaz


Ianê Mello



Ouça: Eduardo dusek "Cabelos Negros"
 
Ouça também: Beto Guedes "Um girassol da cor do seu cabelo"




10 comentários:

Adolfo Payés disse...

Un beso siempre con cariño, paso como siempre a disfrutar de tu blog..


Un abrazo
Con mis
Saludos fraternos
que tengas una feliz semana..

Marcelo Mayer disse...

a melhor arma é a mulher sem fantasia

Ianê Mello disse...

Concordo com você.

Esse poema tem a intenção de chamar a atenção para a preocupação excessiva com o externo( nesse caso, usei os cabelos para demonstrá-la).

Poderia ter sido a preocupação com a estética do corpo.

Daí o título : "Arma de Sedução".

As mulheres, de forma geral, utilizan-se desses artifícios para seduzir, conquistar.

Nós bem sabemos disso e, mesmo sendo mulher, penso como você.

A melhor arma é simplesmente ser mulher, sem artifícios.

Gostei do comentário.


;)


Beijos

Ernâni Motta disse...

Ianê, eu já penso diferente, para mim, as armas da sedução servem exatamente para aguçar as fantasias, por isso, devem ser usadas como uma doce arte. E os cabelos, sobretudo, têm a capacidade fascinante de exercer esse poder. Nesse sentido, a mulher que sabe usá-las é uma privilegiada artista!
Beijos,

Ianê Mello disse...

Ernani

Agradeço o comentário, mas de fato, apesar de ser mulher, acho que quando ela apela em excesso à estes artifícios se torna superficial, e, por vezes, até vulgar.

Acho que a mulher possui muitas qualidades que deveriam ser melhor expressas e valorizadas do que os meros atributos físicos, sejam eles quais forem.

Volte sempre.

Beijos

Everson Russo disse...

Menina, que blog lindo, adorei seu cantinho, obrigado pela visita ao Livro, ja estou te seguindo, uma bela semana e um beijo na alma.

Ianê Mello disse...

Obrigada, Everson, pela sua adesão.

Fico feliz que tenha se sentido bem por aqui.

Gostei muito do seu blog e também te sigo.

Seja muito bem-vindo.

Linda semana pra você.

Um beijo

Ianê Mello disse...

Paez

Fico feliz com sua visita.

Vindo de um artista como você engrandece minha alma.

Un abrazo e una feliz semana.

Ernâni Motta disse...

Ianê,

Eu concordo com você, quando você se refere aos exageros, o que não foi o que quis dizer, com o meu comentário. Quis dizer tão somente que a sedução é uma arte e assim deve ser tratada, você não concorda?
Beijinhos,

Ianê Mello disse...

Claro, Ernani.

Sim, a sedução é uma arte, mas não deve ser mal utilizada, para satisfazer a vaidade, o ego, em detrimento dos verdadeiros valores humanos.

Fui clara, agora?

Tenha sempre inteira liberdade para expressar suas opiniões aqui.
É exatamente o que espero: a livre expressão.

Beijinhos